Quer saber o que comprar agora na Bolsa? Receba as melhores dicas do Brasil

Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Chegou a hora de o Ibovespa deslanchar?

Opinião - 21/10/2019 - 19:34
Mercados Ibovespa 4
“Que coisa boa ter essa oportunidade! É por esse tipo de experiência que estou aqui analisando mercado” (Imagem: REUTERS/Amanda Perobelli)

Por William Castro Alves, economista e especialista em mercados internacionais – Acompanhe em “Bugg“ 

Muito bom dia a todos!

Volto de um final de semana espetacular! Fui para um resort em Marathoon (próximo a Key West) com minha esposa celebrar o primeiro ano de vida da nossa linda filha. Nada de festa ou pompa, apenas curtir a pequena, aproveitar cada sorriso dela nessa data tão especial.

Que coisa boa ter essa oportunidade! É por esse tipo de experiência que estou aqui analisando mercado e buscando passar algum conhecimento ou visão que possa ajudá-los a realizar seus sonhos. Não é sobre dinheiro, mas sobre realização e experiências. É por isso e para isso que criei o Bugg.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

Somos racionais?

Mas isso também quer dizer que voltei mais otimista do que nunca! Rs

Existem alguns estudos que mostram isso. Como nossas experiências e aquilo que vivemos influencia nossa atitude no mercado, somos humanos e nossas emoções tem efeitos químicos que nos levam a tomar certas decisões, por mais racional que você seja!

Digo isso como “disclosure”, tipo, se eu estiver sendo muito otimista, talvez seja fruto do que vivi…Rs

E isso serve para qualquer analista, youtuber, whatsoever que vocês leiam ou assistam para se informar e analisar o mercado.

Expandindo a visão

Mas vamos lá!

Lembro que em 2016 voltei para o Brasil depois de um tempo na Irlanda e Inglaterra. Meus pais estavam mega pessimistas e querendo sair correndo do Brasil, e eu falando: calma, vai virar, agora as coisas mudam.

Em Porto Alegre “as coisas” seguem difíceis. Mas, fazendo uma avaliação, entendo que acertei. Apenas estávamos olhando para coisas diferentes. Eles olhavam para a situação local, segurança, qualidade de vida entre outras coisas. E eu olhava o potencial de inflexão que o nosso mercado de ações poderia fazer, e de fato fez:

A bolsa já fez uma grande inflexão até aqui. Gráfico acima compara Ibovespa com média de mercados emergentes, mas sigo acreditando que estamos apenas no meio ou talvez até no início de um movimento de mais longo prazo. Tal qual publiquei esses dias, um gráfico que compara as posições dos diferentes países em termos de ciclo de expansão ou contração.

Correlato a isso o CDS (seguro contra o risco Brasil) voltou as mínimas, mostrando que o risco de se investir aqui se reduziu sensivelmente!

Mas, cadê o investidor estrangeiro?

Pois é! Apesar desse cenário positivo, salvo as entradas de recursos para IPO’s (ofertas públicas de ações), temos visto é a saída de recursos estrangeiros de nossa bolsa.

O CEO do BTG Pactual afirmou esses dias no Linkedin:

É uma visão, mas entendo que eles estejam esperando 2 coisas:

– Algo que pode acontecer essa semana: Reforma da Previdência

– E algo que pode acontecer nos próximos meses: crescimento econômico acelerando.

Entendo que para eles os juros internos mais baixo não seja tão driver assim, uma vez que o capital alocado aqui não compete necessariamente com a alocação em títulos de renda fixa globais. Então, o que eles querem ver é mudanças concretas com efeito na economia.

É tipo aquela música dos anos 80: “I want to know what love is”. Mas substitua a palavra LOVE por GROWTH (crescimento) e está feito o “melô” do gringo para o Brasil!

Mas, por que pode ir mais?

Além dos juros, o que de fato move uma economia é o investimento real! São as padarias, pizzarias, mecânicas, lojas, shoppings, mineradoras, transportadoras, etc. A economia real e os lucros dela derivados.

E nesse sentido estamos vendo sim uma melhora.

Não estou aqui para fazer propaganda ou defender qualquer governo, mas vale dizer que, nesses 9 meses de governo Bolsonaro, houve um aumento na admissão de cerca de 5% nos últimos 12 meses. É pouco, mas é algo. E o PIB do setor privado mostrou recuperação alcançando 1,7% no segundo trimestre ante o segundo trimestre de 2018. Gráfico abaixo mostra isso:

Já disse aqui: leva tempo, não é do dia para noite. Mas, sigo acreditando que a economia vai entregar o tão desejado crescimento.

Trade war is the new normal?

Mas, penso que uma coisa também é verdade: não esperem um “espetáculo do crescimento” parafraseando Lula.

Realidade é outra: 3% de crescimento para o Brasil é para levantar as mãos para o céu e agradecer! (just my opinion)

China cresce menos e demanda por commodities é menor…trade war parece que veio para ficar….#coldwarfeelings!

Pesquisa do BofA esses dias mostrou isso: grande parte dos investidores aposta que não teremos resolução antes da eleição americana ou ainda que não teremos resolução at all!

Será que veremos Hollywood aproveitará isso para fazer um Rocky Balboa x algum lutador chinês? Kkk

Juro zero é o novo normal?

Apesar disso, não se esqueçam que no limite os banqueiros centrais andam “bonzinhos” e a cada suspiro do mercado eles se apressam em dizer que estão ali para o que der e vier.

Juro real (juro – inflação) zero ou até negativo tem sido o novo real. Então qualquer país que apresente algum crescimento será um hub de atração de investimentos! Estejam certos disso!

Depois de toda essa paúra recente com a desaceleração americana e chinesa por conta da briga dos 2, acredito que pausa ou acordo entre as 2 potências, aliadas a atuação coordenada dos Bancos Centrais possa novamente gerar os efeitos que vem tendo nos últimos anos, ou seja, vermos algum algum crescimento econômico. Olha que legal esse gráfico:

No eixo direito (invertido) você tem um índice de condições financeiras. Ou seja, quanto mais relaxamento monetário, ou menos juros temos, a linha verde clara sobe: são os agentes de política monetária tentando incentivar a economia.

No eixo esquerdo o crescimento econômico. Se tudo der certo, veremos a economia reagir e a linha verde escura subir.

Para acabar

Chegamos próximo à máxima do S&P e do Ibovespa:

Um ser racional diria: melhor botar as barbas de molho! Talvez eu esteja sendo muito influenciado pelo bom final de semana que tive, mas acredito que iremos ter a aprovação da Reforma da Previdência. Acredito ainda que essa safra de balanços que se inicia no Brasil pode surpreender a muitos: vejo sinais de melhor e algum crescimento começando a acontecer. Leva tempo, mas as coisas vão se ajeitando.

Chegou a hora!

Última atualização por Gustavo Kahil - 21/10/2019 - 19:37