Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Cerca de R$ 7 bilhões podem cair no colo da Vivo, Tim e Oi

Gustavo Kahil - 26/09/2018 - 17:31

O mercado ainda não colocou na conta um valor de aproximadamente R$ 3 bilhões que pode cair na conta da Vivo (VIVT4) em breve como resultado de um direito de exclusão do ICMS da base de cálculo das contribuições ao PIS e COFINS na rede móvel após 2014, avalia o Credit Suisse em um relatório enviado a clientes nesta quarta-feira (26).

>>> RECEBA A NOSSA NEWSLETTER GRATUITA <<<

No segundo trimestre, a Vivo já anotou em seu balanço um valor de R$ 2,5 bilhões referentes ao mesmo direito, porém sobre a rede fixa entre os anos de 2003 e 2014. Algo semelhante também pode acontecer para outras teles, argumentam o analistas Daniel Federle, Felipe Cheng e Juan Pablo Alba.

Continua depois da publicidade

“Os investidores prestaram muito pouca atenção ao anúncio de crédito fiscal da Vivo no segundo trimestre e não fizeram nenhuma leitura para outras empresas de telecomunicações. Dada a magnitude desses ganhos, acreditamos que este tópico ainda pode ser um catalisador positivo para as ações, à medida que os investidores se familiarizem com o assunto”, ressaltam.

Outras teles

Eles destacam que, embora o momento de uma decisão do STJ possa variar significativamente para cada empresa,  a lógica e a matemática são as mesmas para todas elas.

De acordo com as demonstrações financeiras da Oi (OIBR3; OIBR4), a empresa espera recuperar R$ 2 bilhões  em créditos. A TIM (TIMP3) não divulgou nenhum valor, mas a estimativa do banco gira em torno de créditos de aproximadamente R$ 2,1 bilhões, ou 8% do valor de mercado da TIM.

Continua depois da publicidade

Última atualização por Gustavo Kahil - 26/09/2018 - 21:26