Últimas Notícias Tesouro Direto Nova Previdência Cotações Comprar ou Vender Cripto
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Cemig cai mais de 2% com operação investigando desvio milionário na estatal de MG

Investing.com Brasil - 11/04/2019 - 12:12
Cemig
As ações da Cemig registraram queda de 2,39%

Por Investing.com

Alvo de uma operação conjunta da Polícia Federal, Ministério Público Federal e da Receita Federal, as ações da Cemig (CMIG4) operam com desvalorização de 2,39% a R$ 14,31 na bolsa paulista. As informações é que a ação visa apurar desvio de dinheiro por meio de um aporte de R$ 850 milhões na Renova Energia (RNEW11). A operação foi batizada de Descarte.

Como declarar investimentos no IR? Baixe agora o nosso guia completo

Continua depois da publicidade

“Três carros da Receita Federal (participaram) e (houve) bloqueios de computadores”, afirmou a fonte, segundo a qual as autoridades solicitaram acesso a documentos, como atas de reuniões do Conselho de Administração da companhia.

Exclusivo! Cadastre-se para receber um dia antes a Carteira Money Times - O Consenso do Mercado

O objetivo da operação é apurar o desvio de dinheiro da empresa Cemig Geração e Transmissão por meio do aporte de R$ 850 milhões na empresa Renova Energia S.A., com posterior repasse de parte deste recurso por meio do superfaturamento de um contrato com a empresa Casa dos Ventos e escoamento dos valores através de sua transferência a várias empresas.

O dinheiro desviado teria sido convertido em espécie e distribuído a diversas pessoas. Entre elas podem estar executivos e acionistas da Andrade Gutierrez, da Cemig, da Renova e da Casa dos Ventos. Todos são suspeitos de envolvimento com a fraude e, além desses operadores, outras empresas foram usadas para escoar o dinheiro desviado.

Foram expedidos pela 2ª Vara Criminal da Justiça Federal de São Paulo vinte e seis mandados de busca e apreensão para os endereços das pessoas e empresas envolvidas com os fatos investigados, nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Taubaté (SP), Nova Lima (MG) e Mogi das Cruzes (SP)

Leia mais sobre: Cemig, Empresas, Mercados, Setor Elétrico
Money Times no Messenger!
Notícias selecionadas para você