Últimas Notícias Comprar ou vender Finanças Pessoais Criptomoedas Economia Política

Empresas

Cemig analisa propostas não vinculantes para Grupo Light

Agência Estado - 13/11/2017 - 13:14

A Cemig afirma que recebeu propostas não vinculantes no processo de data room do Grupo Light. A empresa mineira enviou nesta segunda-feira, 13, dois fatos relevantes ao mercado, um confirmando a proposta vinculante recebida da Brookfield para aporte na Renova, em que possui uma participação de 36,23%, e outro sobre as propostas não vinculantes.

Estas estão relacionadas ao processo de desinvestimento como resultado da primeira fase de acesso aos documentos e informações (data room) do Grupo Light, as quais estão em análise interna “para eventual seleção para a próxima fase”. As fases seguintes são diligência e visitas técnicas (Due Diligence), envio de propostas vinculantes, negociações e aprovações finais para assinatura de acordos definitivos. A nota não diz quantas nem os autores das propostas.

A Brookfield fez proposta vinculante de aporte de R$ 1,4 bilhão na Renova, ao preço de R$ 6,00 por Unit, e que inclui earn-out de até R$ 1,00 por Unit por ajuste futuro no preço de venda do Complexo Eólico Alto Sertão II.

Leia mais sobre: Cemig, Empresas, Light
 

Últimas Notícias