Quer saber o que comprar agora na Bolsa? Receba as melhores dicas do Brasil

Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Caixa deixa IPO da operação de seguros para fevereiro de 2020, diz Estadão

Investing.com Brasil - 07/10/2019 - 15:49
Caixa
Também pesou contra a abertura ainda neste ano a demora para estruturar 11 parecerias, como a revisão de contrato com a CNP Assurances (Imagem: REUTERS/Pilar Olivares)

Por Investing.com

Um dos objetivos da equipe econômica comandada pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, era realizar a abertura de capital do segmento de seguros da Caixa Econômica Federal em 2019. No entanto, o prazo ficou apertado e o banco público trabalha agora para viabilizar a operação em fevereiro de 2020.

A edição de domingo da Coluna do Broadcast, do jornal O Estado de S.Paulo, destaca que o IPO vai seguir os mesmos moldes da realizada pelo Banco do Brasil (BBAS3) no caso da BB Seguridade (BBSE3). Caso consiga manter a data prevista em fevereiro, os dados utilizados para o IPO serão os do terceiro trimestre.

A publicação destaca que o IPO enfrentou atrasos dos mais diversos tipos e origens, como a questão de órgãos fiscalizadores, como o Tribunal de Contas da União, que acabaram por inviabilizar o cronograma inicial.

Também pesou contra a abertura ainda neste ano a demora para estruturar 11 parecerias, como a revisão de contrato com a CNP Assurances. Assim, não restou outra alternativa ao banco a não ser adiar a operação. A Caixa também espera fazer em 2020 o IPO da divisão de cartões.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

Existia ainda a possibilidade de a Caixa viabilizar a abertura de capital da área de seguros ainda neste ano, em dezembro. No entanto, o entendimento é que o prazo era apertado, com a proximidade do Natal e Ano Novo podendo afetar o sucesso da operação. Assim, informa a coluna, a sinalização da atual gestão de Pedro Guimarães, é realizar as operações sem pressa.

Última atualização por Vitória Fernandes - 07/10/2019 - 15:49