Quer saber o que comprar agora na Bolsa? Receba as melhores dicas do Brasil

Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

BTG vê emissões de debêntures da Qualicorp ligadas a plano de redução de capital

28/06/2019 - 11:18
O BTG destaca seu recente relatório sobre o setor, que já apontava uma uma possível redução de capital como um dos principais catalisadores da QUAL3 (Imagem: Pixabay)

Por Investing.com

Para o BTG Pactual (BPAC11), as recentes emissões de debentures da Qualicorp (QUAL3), e suas subsidiárias, parecem estar mais relacionadas às necessidades de refinanciamento, uma vez que a companhia tem R$ 650 milhões em dívidas de curto prazo que vencem em novembro.

Para os analistas, as novas receitas obtidas pela holding devem estar relacionadas a planos de distribuição de capital, mais precisamente com uma posição de caixa de cerca de R$ 730 milhões e geração especada de FCF aproximadamente R$ 300 milhões até o final do ano.

Com isso, o BTG acredita que a chance de acontecer uma redução de capital de, no mínimo R$ 700 milhões, aumentou de forma substancial. Desta forma, a equipe vê, mesmo caso a redução seja de R$ 1 bilhão, a Qualicorp ainda teria uma posição de caixa saudável de R$ 450 milhões até o final do ano, com 0,8x na relação da dívida líquida/LTM EBITDA (pouco acima de sua alavancagem financeira líquida em 2016).

O banco lembra que em 2012, ocasião da compra do Grupo Aliança, a Qualicorp foi forçada pelo Cade a desinvestir de vários membros da Affinity devido aos riscos relacionados à concentração de mercado. Mesmo assim, a companhia tem atualmente cerca de 75% de participação de mercado (quase 10x mais que o segundo player). Com isso, o banco não vê grandes opções de alocação de capital além de uma simples distribuição de capital.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

O BTG destaca seu recente relatório sobre o setor, que já apontava uma uma possível redução de capital como um dos principais catalisadores da QUAL3. Para uma próxima etapa, os analisas acreditam que a empresa também deve trabalhar em uma reestruturação corporativa que permita o pagamento de juros sobre capital próprio, possivelmente reduzindo sua alíquota de imposto de renda.

Apesar de uma avaliação indiscutivelmente atraente, a recomendação do BTG segue em relação à Qualicorp, devido à sua dinâmica de lucros ainda fraca e às perspectivas de crescimento relativamente limitadas.

Debêntures

O Conselho de Administração da Qualicorp, conforme ata da última reunião do Conselho, aprovou a emissão local de debêntures no valor de R$ 700 milhões no nível de holding. Em paralelo, foram aprovadas duas emissões adicionais de dívida para duas subsidiárias operacionais, sendo R$ 310 milhões na Qualicorp Corretora de Seguros e R$ 290 milhões na Qualicorp Administradora de Benefícios, resultando em total emissão de dívida de R $ 1,3 bilhão.

Última atualização por Bruno Andrade - 28/06/2019 - 11:18