Últimas Notícias Cotações Governo Bolsonaro Comprar ou Vender Empresas Economia
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

BTG Pactual eleva preço-alvo de Sul América de R$ 24,5 para R$ 30,0

Investing.com Brasil - 07/12/2018 - 13:48

Saúde

Por Investing.com – O BTG Pactual (BPAC11) elevou o preço-alvo das ações da Sul América (SULA11) de R$ 24,50 para R$ 30,00, após incorporar o resultado do terceiro trimestre da companhia a seu modelo de avaliação, levando em consideração uma melhor dinâmica ROE-Coe (ROE 50 pontos base e CoE 50 pontos base. Para os analistas, a companhia segue com um caso de outperformer no setor de saúde/seguro. As informações constam de relatório enviado a clientes nesta sexta-feira.

Apesar disso, a equipe do banco mantém a recomendação neutra para o ativo, principalmente devido à alta de 61% das ações no ano, com as ações negociadas a 1,9x a base acionária mais recente. As ações operam com queda de 0,30% a R$ 29,64.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

O documento foi enviado após uma reunião dos principais executivos da companhia com acionistas, realizado na manhã de hoje. Para o BTG, o evento se destacou pela apresentação a iniciativa de potencial transformação do modelo de negócios de seguro de saúde, permitindo a companhia passar para o segmento médio-alto. Caso a proposta seja bem-sucedida, Sul América pode dobrar seu mercado.

Os analistas também chamam a atenção para novos modelos de remuneração, que devem ganhar força com a demanda de fornecedores terceirizados. Para eles, as medidas de compartilhamento de risco permitirão que a Sula entre no mercado médio-alto, o que poderia ser transformador para a empresa, dobrando seu mercado (+ 11 milhões de potenciais clientes), com tickets cerca de 30% abaixo da média da empresa.

O banco destaca ainda que a companhia segue vendo um ambiente automotivo competitivo e racional, que deve continuar. Na visão da equipe, é importante ressaltar que as tecnologias melhorarão a previsibilidade de sinistros, melhorando, assim, os preços e o atendimento ao cliente.

Leia mais sobre: Ações, BTG Pactual, Mercados, SulAmérica