Quer saber o que comprar agora na Bolsa? Receba as melhores dicas do Brasil

Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Brasil Plural prefere Pão de Açúcar, Renner, RD e Panvel no varejo entre 14 ações

Conrado Mazzoni - 18/01/2018 - 12:46

As preferências do Brasil Plural no setor de varejo em 2018 combinam ações de empresas de alta qualidade com alguns nomes defensivos para o caso de ascensão de um candidato menos pró-mercado na corrida ao Palácio do Planalto.

Gostou desta notícia? Receba nosso conteúdo gratuito

“Projetando 2018, vemos riscos crescentes provenientes de Brasília, já que o atual governo pode não ser capaz de levar adiante as reformas fiscais, enquanto as eleições presidenciais podem ser polarizadas por candidatos menos pró-mercado”, diz relatório do banco enviado a clientes.

Apesar do risco, os analistas Guilherme Assis e Andres Estevez acreditam que os fundamentos da economia tendem a impulsionar os lucros das varejistas neste ano. Isso passa pela queda dos juros, inflação baixa, inflexão no desemprego e, sobretudo, pela lição de casa realizada pelas companhias em busca de eficiência após dois anos de recessão.

“Esperamos uma média de crescimento nos lucros das empresas sob nossa cobertura de 65%, lideradas por varejistas de linha dura (eletrodomésticos e eletrônicos) (+122%), moda (+101%), varejistas de alimentos (+58%), farmácias (+37%) e farmacêuticas (+32%)”, afirmam.

Recomendações

Quanto às recomendações, os analistas da Brasil Plural têm recomendação overweight (acima da média do mercado) para as ações de Pão de Açúcar (PCAR4), Lojas Renner (LREN3), RD (RADL3) e Panvel (PNVL3), sendo as três primeiras classificadas como Top Picks da instituição financeira. No caso da rede de farmácias Panvel o preço-alvo estimado é de R$ 560, um potencial de 36%.

Via Varejo (VVAR11), Magazine Luiza (MGLU3), Lojas Americanas (LAME4) Guararapes (GUAR3) seguem com aposta equal weight (em linha com o mercado). Assis e Estevez também incluíram nesta categoria Restoque (LLIS3) graças a um upgrade e Hypera (HYPE3) por conta de um rebaixamento – ambos por razões de valuation.

B2W (BTOW3), Hering (HGTX3), Natura (NATU3) e Marisa (AMAR3) possuem sugestão underweight (abaixo da média do mercado) pela equipe do Brasil Plural.

Última atualização por Conrado Mazzoni - 18/01/2018 - 12:46