Quer saber o que comprar agora na Bolsa? Receba as melhores dicas do Brasil

Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Bitcoin em foco: quais as causas de uma desvalorização de 15%

Leandro França de Mello - 25/09/2019 - 9:00
Bitcoin
O Bitcoin nas últimas horas de ontem sofreu um poderoso golpe em sua cotação, desvalorizando-se cerca de 15% (Imagem: Pixabay)

Nas últimas da tarde de ontem o preço do Bitcoin (BTC) caiu 15%, derrapando para o lado negativo de um padrão técnico que prevê um declínio adicional para US$ 6.500. A queda coincide com uma queda de 30% do hashrate do Bitcoin e uma decisão sobre a investigação sobre o Tether e sua mantenedora, a Bitfinex.

O Bitcoin finalmente está saindo de uma fase de consolidação que começou quase três meses. Devido a sua longevidade, a volatilidade em torno do Bitcoin é extremamente alta e está levando todo o mercado de criptomoedas consigo. As quatro principais altcoins sofreram impactos ainda maiores que o Bitcoin, com Ethereum, XRP, Bitcoin Cash e Litecoin caindo mais de 14% ou mais.

Fundamentalmente, o Bitcoin sofreu uma queda repentina de 33% em sua taxa de hash nas últimas 48 horas, passando de 98 milhões de terahashes por segundo para menos de 58 milhões, como pode-se acompanhar aqui. Pesquisadores como Emin Gün Sirer, professor da Universidade Cornell foi o primeiro a indicar impacto:

 

Para Emin Gün Sirer, há uma correlação clara entre o desânimo do mercado com a também desanimante estreia da Bakkt ontem.

Outro ponto que se destaca nesse cenário de queda tem a ver a com Tether que adicionou 25 milhões de USDT no sistema financeiro na últimas horas. A correlação era clara em relação ao volume do par BTC/USDT. O dia contudo foi bom para a Bitfinex e a Tether, em um processo movido na Suprema Corte de Nova York, a empresa não foi obrigada a declarar detalhes das contas de clientes e suas ao processo até que seja tomada uma decisão sobre a desistência do caso, informou a Forbes.

Novo! Receba Grátis a Newsletter
O Segredo das Criptomoedas

 

Leia mais sobre: Bitcoin, Criptoativos, Criptomoedas

Última atualização por Leandro França de Mello - 24/09/2019 - 22:11