Últimas Notícias Perspectivas 2018 Comprar ou vender Finanças Pessoais Criptomoedas Economia

Opinião

Bill Gates revela os 5 livros que ele mais gostou em 2017

Gustavo Kahil - 05/12/2017 - 7:00

Com uma fortuna de US$ 90 bilhões e homem mais rico do mundo, o empresário Bill Gates revelou em um artigo na sua conta do LinkedIn e seu blog Gatesnotes que a leitura é sua maneira preferida de melhor aproveitar a curiosidade. E, sendo assim, aproveitou para listar os seus cinco livros preferidos de 2017.

Gostou desta notícia? Receba nosso conteúdo gratuito

“Embora eu tenha sorte de conhecer muitas pessoas interessantes e visitar lugares fascinantes através do meu trabalho, penso ainda que os livros são a melhor maneira de explorar novos tópicos que me interessam”, disse Gates em seu texto. Vamos, então, às obras prediletas deste ano listadas pelo fundador da Microsoft (não é uma ordem de preferência):

1 –  Evicted: Poverty and Profit in the American City, de Matthew Desmond.

Gates explica que a obra ajuda a compreender que as questões que causam a pobreza estão entrelaçadas. O pano de fundo é a crise de despejos na cidade de Milwaukee no estado de Wisconsin. “Desmond escreveu um retrato brilhante dos americanos que vivem na pobreza. Ele me deu a melhor ideia do que é ser pobre neste país do que qualquer outra coisa que eu tenha lido”, disse.

2 – The Best We Could Do, de Thi Bui

O romance gráfico é um livro de memórias que explora a vida de uma mãe refugiada no Vietnã em 1978. “Depois de dar à luz seu próprio filho, ela decide aprender mais sobre as experiências de seus pais crescendo em um país despedaçado por ocupantes estrangeiros”, ressalta Gates.

3 – Believe Me: A Memoir of Love, Death, and Jazz Chickens, de Eddie Izzard

A história pessoal do autor fascinou a Gates. Ele é um sobrevivente de uma infância difícil e trabalhou sem descanso para superar a falta de talento natural até se tornar uma lenda internacional. “Se você é um grande fã dele, como eu sou, você vai adorar este livro. Sua voz escrita é muito semelhante à sua voz de palco, e eu me peguei rindo em voz alta várias vezes ao lê-lo”, diz.

4 –  The Sympathizer, de Viet Thanh Nguyen

Gates pontua que a maior parte dos livros e filmes que acompanhou sobre a Guerra do Vietnã conta a história a partir da visão americana. Já o romance de Nguyen oferece um olhar sobre o vietnamita à época e que está dos dois lados. “Apesar de quão escuro é, The Sympathizer é uma história emocionante sobre um agente duplo e o problema em que ele entra”, avalia.

5 – Energy and Civilization: A History, de Vaclav Smil

Gates explica que Smil é um dos seus autores favoritos que este livro é uma obra-prima. “Ele explica como nossa necessidade de energia moldou a história humana – desde a era das usinas de movidas à burro até a atual busca de energia renovável. Não é o livro mais fácil de ler, mas, ao final, você se sentirá mais inteligente e informado sobre como a inovação energética altera o curso das civilizações”, diz.

Leia mais sobre: Livros, Opinião
 

Últimas Notícias