Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Fast

B2W, Magazine Luiza ou Via Varejo: quem ganhou a batalha da Black Friday?

04/12/2019 - 14:56
Crescimento total das vendas foi de 24% entre 27 de novembro e 2 de dezembro (Imagem: Pixabay)

A Black Friday adentra seu nono ano de existência, tendo tornado-se ao longo do tempo data de referência para o varejo no Brasil, ao lado do Natal e da recém-criada Semana da Pátria.

Dentro deste contexto, o BTG Pactual divulgou relatório nesta quarta-feira (4) a seus clientes e obtido pelo Money Times sobre o e-commerce brasileiro, apresentando levantamento no qual mostra quais varejistas obtiveram maior volume de acessos a seus websites.

Em primeiro lugar aparece o Mercado Livre, seguido de perto pelas Lojas Americanas (LAME4). O website campeão teve 48,1 milhões de acessos entre 27 de novembro e 2 de dezembro, um pouco acima dos 47,9 milhões de visitantes da varejista brasileira.

Com a medalha de bronze, a Magazine Luiza (MGLU3) auferiu 20,7 milhões de acessos dentro de seu website. Casas Bahia e Amazon completam a lista dos cinco primeiros, com 16,8 e 16,5 milhões de acessos, respectivamente.

B2W ganha

Por outro lado, a despeito da liderança do Mercado Livre, a batalha do Black Friday foi vencida majoritariamente pela B2W (BTOW3): a detentora dos websites Americanas.com, Submarino e Shoptime obteve 69,7 milhões de acessos no agregado, representativos de 35% do total.

B2W leva batalha de números de acesso na Black Friday (B2W Digital/Facebook)

A Magazine Luiza ficou com 18% do total de visitas por meio de seus três websites: o da própria marca, da recém-adquirida Netshoes e da Zattini. A soma das visitas foi de 35 milhões.

Por sua vez, os websites da Via Varejo (VVAR3) – denominadamente Casas Bahia, Ponto Frio e Extra – obtiveram total de 30,5 milhões de acessos.

R$ 3,2 bilhões

Em adição, alguns destaques do BTG Pactual para a Black Friday: aumento de 24% nas vendas nominais na base anual de comparação, totalizando 5,33 milhões de pedidos – alta de 25% nesta variável.

O total de vendas atingido na Black Friday pelas varejistas foi de R$ 3,2 bilhões.

Recomendações

Os analistas Luiz Guanais e Gabriel Savi listam recomendação de compra para as ações da Magazine Luiza e da B2W, com preços-alvo respectivos de R$ 44,00 e R$ 57,00.

Já os papeis da Via Varejo possuem recomendação neutra, com estimativa de preço-alvo de R$ 8,00. Todas as projeções são para doze meses.

Chegou a nova newsletter Comprar ou Vender

As melhores dicas de investimentos, todos os dias, em seu e-mail!

Última atualização por Gustavo Kahil - 04/12/2019 - 19:38

Quem são as startups brasileiras candidatas a novos unicórnios em 2020