Últimas Notícias Nova Previdência Cotações Comprar ou Vender Criptomoedas Empresas
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Azul dispara 7% após compra da Avianca

Investing.com Brasil - 11/03/2019 - 12:05
Aviões da Azul
O mercado reage bem à notícia de que a aérea firmou contrato com a Avianca Brasil (Imagem: Facebook/Azul, Felipe Mazeti)

Por Investing.com

As ações da Azul (AZUL4) operam com forte valorização de 6,66% a R$ 39,53. O mercado reage bem à notícia de que a aérea firmou contrato com a Avianca Brasil para utilizar slots em Congonhas, o que deve duplicar a presença da companhia no aeroporto paulista.

GOL tem 135 pedidos de 737 Max para Boeing; Ações caem

Azul compra 30 aviões e 70 slots da Avianca por US$ 105 milhões

O acordo não vinculante prevê que a Azul fique com todos os slots da Avianca Brasil nos aeroportos de Congonhas (SP) e Santos Dumont (RJ) e cerca de metade deles em Guarulhos (SP), afirmou uma fonte próxima da empresa nesta segunda-feira à Reuters.

O acordo não vinculante, no valor de 105 milhões de dólares, vai elevar os slots da Azul em Congonhas, um dos mais movimentados do país, de 13 para 34, se aprovado por autoridades regulatórias e de defesa da concorrência. Atualmente, Gol (GOLL4) e Latam possuem cerca de 130 slots cada uma em Congonhas, disse a fonte.

O entendimento, que ocorre em meio ao plano de recuperação judicial da Avianca Brasil, envolve no total 70 slots (espaços para pousos e decolagens) nos três aeroportos. Envolve também 30 Airbus A320 que serão alvo de novos contratos de arrendamento pela Azul, afirmou a fonte, que estimou que a o acordo com a rival envolve cerca de 60 por cento das operações da Avianca Brasil.

A aquisição proposta será feita por um mecanismo chamado Unidade Produtiva Isolada (UPI) e o negócio inclui certificado de operador aéreo da Avianca Brasil, quarta maior companhia aérea do país, que até meados de janeiro tinha uma frota de 46 aviões.

A Azul, que enviou comunicado ao mercado sobre a transação, está em período de silêncio, antes da divulgação de seus resultados de 2018, previstos para quinta-feira.

Money Times no Messenger!
Notícias selecionadas para você
Recomendados para você
Exclusivo: Método de Luiz Barsi é revelado em curso inédito