Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

As 25 marcas brasileiras mais valiosas, segundo a Interbrand

Diana Cheng - 27/11/2018 - 17:14
Assaí
A marca Assaí, do grupo Pão de Açúcar, estreou na lista

O Ranking das Marcas Brasileiras Mais Valiosas de 2018, divulgado pela consultoria global Interbrand, revela que o crescimento do portfólio total com as 25 maiores marcas brasileiras, ainda que tenha crescido apenas 2,7% em comparação ao ano passado, continua sendo relevante. A Fleury, por exemplo, está 7% mais valiosa que em 2017, e hoje a marca equivale a R$ 441 milhões. A soma de todas as marcas está perto de R$ 120 bilhões.

Marca Magazine Luiza dispara 50% e é a que mais cresce em 2018

De acordo com a Interbrand, a fórmula do sucesso está justamente no conhecimento que a empresa tem sobre o seu cliente e a criação de produtos e serviços que facilitem a vida das deles. Magazine Luiza, CVC, Porto Seguro e Localiza, que apresentaram crescimentos de, respectivamente, 50%, 21%, 12% e 10%, são os principais exemplos dessa mais nova dinâmica do mercado.

Continua depois da publicidade

Os cinco primeiros colocados da lista continuam sendo integrados por bancos e empresas de cerveja. Juntos, concentram 75,8% do valor total da tabela. Indo em direção contrária à crise econômica brasileira dos últimos anos, as marcas mais valiosas do país encontram-se em meio a um momento de estabilidade. Porém, a concorrência ficou maior. E para se destacar em meio aos concorrentes, é preciso apostar no chamado no atributo de relevância.


Como explicar o sucesso?

Em período de retração e restrições, entender só o bolso do consumidor não basta. Precisa-se entender suas necessidades também. A CVC, como forma de contornar a crise, distribuiu ofertas abrangentes que fossem do perfil do cliente. Não é à toa que seu índice de recomendação é a maior do setor de viagens e turismo.

Marcas de sucesso também servem de modelo para seus rivais, pois o incentivam a atuar no mercado com a mesma predisposição e eficiência. A Localiza é referência no segmento de aluguel de carros. Cresceu 10% no último ano, fato que se deu pelos altos investimentos em tecnologia e no aperfeiçoamento do atendimento ao cliente. Outro exemplo é a Porto Seguro, que continua sendo destaque tanto dentro quanto fora do segmento de seguros. É a empresa com o terceiro maior crescimento no ranking, uma valorização de 12%.

Para ser uma empresa notável, é preciso colocar o nível de exigência do consumidor lá para o alto. O Assaí, que faz sua estreia no ranking, conseguiu conciliar preços acessíveis com boa qualidade, por isso já aparece como o maior NPS (grau de satisfação do consumidor) da categoria de varejo alimentício na pesquisa e está em 23º lugar na lista.

Por fim, o uso de mais de uma plataforma de comunicação pode ser o que irá levar a empresa ao topo. O Magazine Luiza adotou essa medida e, com um foco obsessivo no cliente, conseguiu elevar os padrões de qualidade de todo o setor varejista. Atualmente, é a marca com o maior índice de preferência na categoria.

Última atualização por Gustavo Kahil - 27/11/2018 - 17:14