Últimas Notícias Nova Previdência Cotações Comprar ou Vender Criptomoedas Empresas
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Airbus fecha pedido de US$ 35 bilhões com China durante visita de Jinping

Valter Outeiro da Silveira - 26/03/2019 - 7:44
Companhia francesa deverá se beneficiar de contexto atual

A Airbus assinou negócio de aproximadamente US$ 35 bilhões (segundo preço de catálogo) com a China para vender 300 aeronaves, coincidindo com a visita de Xi Jinping na França e aumentando a pressão sobre a rival Boeing, envolvida em escândalos sobre segurança de seus aviões após os acidentes na Indonésia e na Quênia.

Algo parecido com o que aconteceu no último ciclo de alta da Bolsa está prestes a se repetir. Veja como é possível ganhar ate +2.691% com estes ativos

O acordo entre a Airbus e a estatal China Aviation Supplies Holding Company incluirá 290 modelos A320 e 10 aviões A350. No preço de catálogo, oficiais franceses avaliaram a frota em € 30 bilhões, sendo dado possível desconto pelo alto volume encomendado por Pequim.

Entrevista com Apex Capital: fundamentalista, verdadeira e transparente

O pedido dos chineses é maior do que o esperado e coincide com os 300 aviões solicitados quando Donald Trump visitou Pequim em 2017. Desde então, a China não havia realizado grandes pedidos no setor aeronáutico.

“A conclusão de um grande contrato de aviação é um passo à frente e um excelente sinal no contexto atual”, avaliou o presidente francês Emmanuel Macron, em entrevista com Xi Jinping.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

Leia mais sobre: Airbus, China, EUA, França, Internacional
Money Times no Messenger!
Notícias selecionadas para você
Recomendados para você
Exclusivo: Método de Luiz Barsi é revelado em curso inédito