Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Agora é a hora: Queda fundamenta ponto de entrada para ações da Petrobras

Valter Outeiro da Silveira - 17/04/2019 - 10:40
Sede da Petrobras
Reestruturação da estatal preocupa se houver ingerência do governo (Imagem: Geraldo Falcão)

Diante da reunião realizada no Palácio do Planalto em torno do reajuste de preços do diesel pela Petrobras (PETR3PETR4), a equipe de análise do BTG Pactual (BPAC11) divulgou relatório nesta quarta-feira (17), reiterando a recomendação de compra para os ADRs negociados na NYSE, com preço-alvo de US$ 20,00 – upside (potencial de valorização) de 46,2%.

Como declarar investimentos no IR? Baixe agora o nosso guia completo

A despeito da manutenção na confiança de que a empresa apresentará resultados robustos em meio a reestruturação, o ceticismo permanece. “Não acreditamos que os investidores recuperarão totalmente a confiança na Petrobras até o próximo reajuste de preços ser coerente com os preços internacionais do petróleo”, avaliam os analistas.

A instituição acredita que os preços domésticos do diesel se encontram 6% abaixo dos praticados no mercado internacional.

>>> Invista em Imóveis de Maneira Inteligente e Seja Dono dos Maiores Empreendimentos do Brasil [SAIBA COMO] <<<

“Também acreditamos que existem riscos de nova greve dos caminhoneiros, o que sustenta o medo de que novas interferências possam ocorrer”, pondera o BTG, porém destacando que os eventos recentes não são suficientes para alterar a recomendação de compra dos ADRs, “ainda mais depois da queda superior a 6% na última-sexta-feira (12)”.

Última atualização por Valter Outeiro da Silveira - 17/04/2019 - 10:45