Últimas Notícias Eleições 2018 Comprar ou vender?
Cotações por TradingView

Ações de Vale e siderúrgicas recuam com queda no preço do minério de ferro

Investing.com Brasil - 23/01/2018 - 12:51

Investing.com – A terça-feira é marcada por perdas expressivas para a Vale e as empresas do setor siderúrgico, como uma reação dos investidores à queda da cotação do minério de ferro no mercado internacional. As ações da mineradora perdem 2,98% a R$ 41,38. Já a CSN (SA:CSNA3) tem desvalorização de 3,44% a R$ 10,38, enquanto a Usiminas (SA:USIM5) cai 3,47% a 10,86 e a Gerdau (SA:GGBR4) cede 3,29% a R$ 13,54.

Mais cedo, foi relatado que os estoques de minério de ferro da China seriam capazes de produzir uma quantidade de carros, que enfileirados, dariam a distância da Terra a até a Lua. Reagindo à informação, os contratos futuros da commodity encerram o dia com queda de quase 4%.

Na última semana, a Bradesco (SA:BBDC4) Corretora publicou análise positiva para o setor de mineração e siderurgia, revisando para cima as estimativas para as ações da Vale, Gerdau e Usiminas. Segundo o relatório, a Top Pick do setor é a Usiminas, única entre as três a receber a recomendação de compra. As demais permanecem com a avaliação neutra. O preço-alvo foi elevado de R$ 12 para R$ 15. Para a Vale, o valor subiu de R$ 42 para R$ 44 e para a Gerdau de R$ 13 a R$ 16.

Sobre o minério de ferro, a corretora projetou na semana passada níveis elevados até o segundo trimestre, quando pode ter início uma correção. Com isso, a commmodity sairia do nível atual de US$ 80 a tonelada para um patamar de US$ 60. Uma eventual queda das ações da Vale deve ser entendida como um ponto de entrada, argumenta o analista.

Com Money Times

Por Investing.com

Últimas Notícias