Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Fast

Ações da Marfrig operam em alta com liberação de plantas no Uruguai para exportar para Arábia Saudita

14/01/2020 - 11:43
Carnes Boi Commodities
A Marfrig divulgou nota para confirmar a notícia, destacando que são as unidades de Tacuarembó, Salto, San José e Colônia (Imagem: Reuters/Paulo Whitaker)

Na parte da manhã desta terça-feira as ações da Marfrig Global Foods (MRFG3) operam com forte alta, se destacando na ponta positiva do Ibovespa, depois da notícia que recebeu habilitação da Arábia Saudita para exportar carne bovina produzida no Uruguai.

De acordo com a Broadcast Agro, a companhia foi contemplada com quatro plantas, sendo que a Minerva com duas.

Assim, por volta das 11h38, os papéis tinham alta de 3,44% a R$ 11,43, com os da Minerva (BEEF3) caindo timidamente 1,03% a R$ 14,41.

O Ministério da Pecuária, Agricultura e Pesca do país sul-americano foi o responsável do anúncio da liberação pela autoridade sanitária da Arábia Saudita (SFDA, na sigla em inglês) do mercado para os uruguaios.

A Marfrig divulgou nota para confirmar a notícia, destacando que são as unidades de Tacuarembó, Salto, San José e Colônia”. Já a Minerva mantém três unidades no Uruguai.

Destas, foram habilitados os frigoríficos Carrasco, localizado na cidade de Paso Carrasco, no departamento de Canelones; e Pul, situado no município de Melo, departamento de Cerro Largo. A planta de Carrasco tem capacidade para abater 900 cabeças ao dia, enquanto a unidade Pul abate 1.400 cabeças ao dia.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

Em nota, o Ministério da Pecuária, Agricultura e Pesca do país sul-americano destacou que a abertura desse mercado cria novas oportunidades de negócios para a exportação de carne uruguaia no exterior. Além da proteína bovina, o Uruguai também recebeu habilitação para exportar carne e subprodutos de ovinos.

Segundo o ministério agropecuário do Uruguai, o processo de abertura dos sauditas contou com auditorias para certificação Halal, avaliações nas plantas frigoríficas e em todo o sistema sanitário do país.

Última atualização por Rafael Borges - 14/01/2020 - 11:53

Medo do coronavírus leva Ibovespa a pior queda em 10 meses